autossabotagem-o-inimigo-numero-um-da-sua-dieta-jamille-secchi-pscicologia-coach-fitness-santa-catarina
Autossabotagem o inimigo número um da sua dieta!
8 de Janeiro de 2018
voce-e-um-colecionador-de-problemas-jamille-secchi-psicologia-coach-fitness-santa-catarina-camboriu-brasil-cabral-cid-seo-niteroi-vendas-online-b
Você é um colecionador de problemas?
9 de Fevereiro de 2018

Cansou? Aprenda a descansar e não desistir

cansou-aprenda-descansar-e-nao-desistir-jamille-secchi-psicologia-coach-fitness-santa-catarina-camboriu-brasil-cabral-cid-seo-niteroi-marketing-online-rio-de-janeiro

Cansou? Aprenda a descansar e não desistir

Quem nunca se sentiu cansado, esgotado, com aquela sensação de que toda energia foi consumida e a que resta você deseja usar apenas para fugir. Aquela vontade de jogar tudo para o alto e dar um ar para si mesmo. Só que esse ar muitas vezes implica em largar mão, abandonar, desistir.

Será mesmo esse o melhor caminho?

Seja no trabalho, em algum objetivo, numa dieta, no relacionamento ou com qualquer novo empreendimento em sua vida, tais sensações podem tomar conta de você por algumas horas, dias e até semanas, dependendo do desgaste físico e emocional gerado. Desistir te levaria a jogar fora todo esse tempo e energia desprendida em prol dessa meta, e você precisa avaliar se é isso mesmo que precisa fazer neste momento ou apenas respeitar esse ciclo e descansar, para recompor suas energias.

cansou-aprenda-descansar-e-nao-desistir-jamille-secchi-psicologia-coach-fitness-santa-catarina-camboriu-brasil-cabral-cid-seo-niteroi-vendas-online

Nós não somos máquinas programadas para alta produtividade em tempo integral. Somos seres humanos com reservas motivacionais e energéticas cíclicas. Por mais motivados que estejamos em um objetivo, pode ocorrer de passarmos por uma baixa onde nosso corpo e nossa mente pede descanso. Não se culpe por isso. Isso é normal.

O que acontece é que muitas pessoas interpretam esses momentos como desanimo para continuar e na famosa polaridade do “oito ou oitenta”, abandonam tudo. Costumo defender a ideia de que nem todo projeto vale a pena dar continuidade. Às vezes é preciso perceber que se trata de algo sem futuro. Mas não é nesses momentos de cansaço que você conseguirá ter essa clareza. Primeiro é preciso se distanciar, descansar, recarregar as energias para quando voltar ter total lucidez para avaliar.

A primeira coisa a se fazer é dar um tempo. Tire umas férias, faça uma viagem ou apenas fique em casa se distraindo com outras coisas. Afaste-se temporariamente do que lhe gerou cansaço e procure não pensar muito a esse respeito. Você verá que essa distancia física e emocional te faz enxergar a situação por outro prisma.

Outra estratégia bastante eficaz para esse descanso é acabar com suas pendências, sejam elas relacionadas ao foco de seu cansaço ou não. Coisas pendentes nos sugam a energia, porque por mais que você não pense nisso com frequência, seu inconsciente vira e mexe te faz lembrar dessas coisinhas que você precisa fazer. Reserve um ou mais dias para acabar com elas. Você vai perceber o quanto isso é recompensador. A sensação é de soltar uma mochila pesada que dificultava sua caminhada.

Quando então retornar à sua meta, descansado, você terá condições de avaliar se vale a pensa continuar lutando por este objetivo, se as estratégias que você vem empregando estão sendo eficientes, quais mudanças você poderia fazer para que isso te desgaste menos, reavalie o sentido dessa meta em sua vida. Para que você quer isso? Que importância tem essa conquista para você? Desistir te provocaria quais sensações? É isto mesmo que você quer?

Se for preciso buscar auxílio, faça, um mentor ou um coach pode ser muito útil nestes momentos. O importante é tomar decisões movidas pela razão, pelo bom senso e jamais pelo cansaço.

www.jamillesecchi.com.br

www.programapenseforte.com.br

Jamille Secchi – Psicologia e Coach Fitness – CRP/SC: 12/04393

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *